quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Aconteceu comigo nos anos 90! O aniversario, A garota e o Dazaranha!

Em 1997 Meu irmão, meu primo e uns amigos meus fomos fazer um "programão de sábado", ir no show da banda Dazaranha!
Pra quem não sabe, essa é uma banda muito famosa em Santa Catarina e faz um rock bem diferente do que se vê por aí, misturando elementos da música Country e Clássica ao som de violino com guitarras pesadas e por aqui entre "1997 a 2002" foi uma febre e toda banda "cover" que se preze tinha que saber
tocar as músicas deles!
Seria um sábado bem comum se não fosse por um detalhe: tinha um aniversario pra ir e justamente da garota que meu primo estava afim!
Como nenhum de nós tinha carro iríamos fazer uma "maratona" até o Kart in door (uma pista de kart fechada que muitas vezes era usa como local de shows). Sairíamos do nosso bairro até o aniversário (que começava as 21:00) e depois iríamos para o show (que começava as 23:00) só que o porém é que tudo isso dava uns 10 KM!
Então iríamos rapidinho aparecer no aniversario, esperar meu primo se declarar e depois se mandar para o show.


Saímos da minha casa pelas 20:00 e íamos falando sobre "coisas" importantes do nosso cotidiano como sobre quem "era gata" no nosso colégio, sobre os "malas" que não gostávamos
e como alguém podia ouvir o novo disco do "É o Tchan" que todos cantavam na sala de aula menos nós. Eu e meu primo erámos "estudantes de guitarra" então na nossa cabeça só tinha Iron Maiden, Van Halen, Dire Straits ou Gun´s Roses e naquele tempo isso era tudo pra mim e era mais "fanático" que um "xiita" pois o resto era tudo lixo.
Acontece que a garota que meu primo estava afim adorava "João Paulo e Daniel " então pra tentar "arrebatar" o coração dela de vez, ele ficou uma semana tirando "Estou Apaixonado" e quase morria
de rir com ele tirando aquilo!
O plano do meu primo era simples:
ele iria chegar, chamar ela num canto, tocar a música, beijar ela e iríamos para o show!

Porém sempre planejamos para o sucesso e nunca para o fracasso! e primeiramente temos que conhecer a história dos "dois" para chegarmos até o ponto que ele abre o coração. Eles estudavam juntos e ela tinha vindo de "Criciúma-SC" e desde primeiro momento uma chama "se acendeu entre os dois" e então era quase certo que eles iriam acabar namorando. Quando chegamos no aniversario dela depois de caminhar uns "40 minutos" estava cheio de gente e todos nos olhavam vestidos de pretos e camisetas de banda como se fossemos alienígenas. Ninguém se sentiu bem na festa e mesmo assim meu primo pediu para ficarmos e depois de uma meia que estávamos ali vimos ele chamar e ela e os dois sumiram por uns 10 minutos.
Já eram dez e meia e nada dos dois nós juravamos que eles só podiam estar trasando para demorar tanto! Logo depois apareceu os dois bem sérios, se deram três beijinhos e não disseram nada e assim
fomos finalmente para o show. Durante o caminho nós conversavamos e meu primo não disse uma palavra e claro já dava pra deduzir que seu plano não tinha dado certo.
Quando estávamos quase chegando ele resolveu contar o que aconteceu e quase chorando nos disse:

Eu cantei, me declarei pra ela e ela não disse nada. Daí beijei ela e ela disse que eu estava confundido as coisas e que não fazia o tipo dela, mas me considerava  um amigo muito legal e que podia confiar! 
Então ela começou a falar com Frâncio (que era um troglodita do colégio) e disse que estava louca por ele e que ficaram juntos
no último baile do sábado e disse que ele tinha aquela fama de "grosso, encrenqueiro e brigão" e estava dispoto a muda-lo e lá ficou meia hora só falando daquele babaca!


Quando chegamos ao show o Dazaranha já tinha começado a tocar e nós demos um "porre" no meu primo para ele tentar esquecer a menina mas não adiantou muito não, ele ficou o tempo todo num canto triste e quieto. Ao termino do show, tocou a banda de uns conhecidos nossos e fizeram muito côver de The Doors, Legião Urbana, Deep Purple, TNT, Ramones e AC/DC e enquanto todos nós estávamos fazendo "roda punk" meu primo continuava lá cabisbaixo e pra fechar com chave de "ouro" a noite apareceu a menina que ele gostava e o Frâncio!
Assim acabando de vez com meu primo, então todos achamos melhor ir embora e assim começar nossa "jornada" de "10 KM" para voltar pra casa.
Claro que o tempo tratou de curar tudo, a tal menina acabou voltando depois uns meses para Criciúma e acabou casando com o ex-noivo dela, depois de fazer
"a alegria dos Bad Boys" da cidade e pode-se dizer que ela

Ficou (e deu) cpm todo mundo, menos para meu primo que ficou imortalizado na Friend Zone!!!

E agora com vocês um super show da Banda Dazaranha!!!!




Viva os 90!!!
Postado por:
Rafael "O KH" Dantas
Autor do blog Palco KH (música), Jovem & Adolescente nos anos 90 e Adult Stories!
Músico, Técnico em T.I e fã dos anos 80 e 90!
OMB:13850
Contato:
rafael.kh@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: faça comentários relacionados a postagem!
Tudo que for de origem ideológica, conteúdo ofensivo ou político será automaticamente apagado! Há vários blogs pra você fazer isso, aqui não é um deles.